terça-feira, junho 26, 2007

Power to the people

O No Mínimo, conforme já anunciei aqui, o melhor site informativo da web brasileira está fechando suas portas...ou sua página, por falta de patrocínio. E além do choro dos leitores assíduos, não está havendo nenhuma repercurssão em relação a esse fato.
A Cultura está em greve em todo o país e também não parece sensibilizar ninguém.
No governo Lula o povão tem aumentado o seu poder de compra, como há muito não se via. Isso é um fato. Eu converso com porteiros, faxineiras, comerciários e motoristas de ônibus e todos confirmam estarem se sentindo mais cidadãos. O povo parece que finalmente chegou ao poder, não só porque nosso presidente veio do povo, mas porque enquanto a classe média, maior consumidora de cultura, vem tendo o seu orçamento esmagado por uma carga tributária cruel, o povão está tendo mais poder de fogo para gastar em entreterimento. Por isso a industria da diversão vem adulando as classes C, D e E. Tudo parece estar girando em torno do povo. Basta dar uma passeio pela tv aberta e percebe-se isso.
A cultura está morrendo. E daí, se quem está consumindo diversão hoje não está nem aí para ela?
Esse vídeo que peguei lá no Kibe Loko, é um exemplo, no qual a neo-puritana apresentadora de tv Eliana, perde a linha, em nome da diversão que o povo gosta.
O No Mínimo acabou e a Cultura está em greve. E daí?

0 Comments:

Links to this post:

Criar um link

<< Home